Postagens

Então é aqui?

Imagem
Tem dias que faço a seguinte pergunta a Deus. "Quando descubro quem sou?". Sabe, não é quando tudo vai mal, quando as coisas não se acertam ou quando não temos saída, essa pergunta começa a aparecer quando estamos correndo atrás dos nossos sonhos, no meio da loucura que chamamos de rotina. Quando resolvemos parar no caminho e pensar "Espera aí, é assim que quero viver minha vida?". Uma coisa que tenho aprendido com esses últimos dois anos foi: nunca diga "nunca farei isso" ou "não aceitaria essa situação". Por mais que meus princípios estejam intactos, aprendi que a vida me ensina constantemente a matar um leão por dia, a ser forte e maleável ao mesmo tempo. A vida tem me ensinado que nem todas as pessoas que surgem de uma forma incrível na minha vida vão ficar, elas simplesmente vão desaparecer. E então outro ciclo começará. Aprendi que meus planos não se realizariam como imaginava, e que tudo que amo é sempre posto a prova, o tempo todo. De…

Queira ser amável.

Imagem
Seja amável. Seja amável quando alguém lhe for amável. Quando alguém não for recíproco, quando algo te magoar ou quando não houver decisões boas. Seja mesmo que não convenha, mesmo quando tudo lhe peça pra não ser. Seja não pelos outros mas por você. Você merece amor, merece carinho, merece compaixão. Se não dos outros que seja de si mesmo. Diga "eu vou ser melhor hoje" e no fim dia suspire "eu consegui". As vezes vai parecer que ganhou o mundo, e não posso negar, as vezes vai se achar um completo idiota. Mas é dentro que está mudando. O coração cresce, o sorriso se torna algo fácil e vai encontrar amor onde menos se espera. A sua volta muda. As pessoas que te rodeiam também. Você começa entender melhor as coisas ruins que acontecem, e começa a confiar em algo melhor. Começa a acreditar mais ainda nos planos de Deus. Começa a reconhecê-lo nas pequenas coisas e nas mais improváveis pessoas. E qualquer coisa que tenha sido quebrada dentro de você, vai se curar.

Nunca ache que brigas são o fim do mundo.

Imagem
Como você descobre isso? Brigando! Vai ter uma hora que não dá, nem os mais calmos casais vão conseguir sair ilesos. Seja como for vamos brigar. Vamos ter ciúme de uma pessoa aleatória, vamos implicar com o passado ou até mesmo com a mania de organização do outro. Vamos falar que o outro é  injusto ou passivo e teremos ódio nessa hora (acredite ou não). Teremos raiva de tudo o que passou em nossa cabeça, vamos duvidar até se o fio de cabelo não foi pintado e não importa o que o outro fale, entrará por um ouvido e sairá pelo outro. Ouviremos opiniões de pessoas aleatórias que não nos conhecem enquanto nosso coração vai ficar em segundo plano chorando.
  Algumas das coisas que mais irão doer são "Não vamos dar certo", "Você não era assim" ou até mesmo "Não imagino a gente se casando". É aí que o coração grita. Arrebenta tudo por dentro e tenta falar mais alto. O corpo treme, o peito dói e até da vontade de chorar. Vamos pensar como seria uma vida sem o o…

Mas, e se, eu trair?

Imagem
Muitas pessoas diferem pensamentos sobre o que é traição e por que ela acontece. Na mais simples e pequena sabedoria que tenho, eis o que penso ser e porque acontece tal fato. Estar com alguém não é fácil, por mais que o amor seja maior que todos os outros sentimentos que já teve. Você junta seus princípios com alguém e de repente percebe que algumas coisas não combinam, e quando vê, nem sequer tentou encaixá-los. Costumamos pensar "Ora, os opostos se atraem", mas serão opostos a vida inteira? Ou combinarão algumas vontades e aceitarão as diferenças? Parece ser fácil fazer, e na verdade é. Só leva um pequeno tempo e duas pessoas dispostas a ceder um pouquinho.   Quando duas pessoas se apaixonam e tem vontade de ficar juntas, criam uma união, as vezes forte desde o começo, e as vezes tornando-se forte com o tempo. Se durante o caminho não existe mais amor, não tem motivos pra continuar. O verdadeiro amor não acaba, e se um dia acaba, não era amor. Se todos os problemas co…

O Terraço - Terceira Parte

Ela: Mesmo que estivesse ocupada, em alguns momentos não conseguiria evitar de pensar nele. Parecia tão interessado quando o vira no café, que me sentiria interessada. Sua aparência era a de uma pessoa alegre e transparente, era bonito, devo admitir.

Ele: Eu adoro meu trabalho, mas hoje teria vontade que o dia acabasse logo pra que pudesse vê-la. Desde que a vira no café, alguma coisa me chamara atenção. Não sei se era a aparência de mulher doce ou o mistério como tudo acontecera. Foi diferente, e eu queria vê-la pra saber se era realmente um flerte ou algo real.

Ela: Eu chegaria um pouco atrasada, devido as poucas vagas de estacionamento. Entraria pela porta da livraria com o olhar atento, só me distraindo um pouco pelo espaço, um dos cafés mais bonitos daqui, uma casa readaptada para uma livraria, com várias janelas, mesinhas, estantes e livros, ao fundo, um espaço aberto com jardins e mesas, e lá estaria ele.

Ele: Chegaria dez minutos antes da hora. Sentaria no espaço aberto, o ca…

O Terraço - Segunda Parte

Imagem
Ele: Eu chegaria em casa pensando se fizera certo. Ainda dava tempo de tê-lo entregue pra ela. Coloquei as chaves na estante e fui pra cozinha. O dia foi longo e cansativo. Devia ter comido fora, agora teria de cozinhar. Não era um dos meus fortes, mas pegaria as sobras da geladeira e assim poderia ter algo digno. Estaria passando algum jogo interessante na TV, melhor programação.

Ela: Passaria na casa dos meus pais pra ver como estavam, já que faço isso toda semana. Acabaria jantando lá antes de ir pra casa. Quando cheguei em casa notei o quanto estava cansada, largaria a bolsa no sofá e colocaria a roupa mais confortável que tinha. Quando voltei a mini sala, lembrei dele. Apesar de ser bonito, acharia-o curioso pra querer saber o que eu escrevia. Peguei minha bolsa e faltava algo. O caderno. O desespero veio na hora, meu nome e telefone estariam escritos e até agora ninguém ligara. Será que alguém o achou? Será que ele o pegou?

Ele: Depois do jantar pegaria o caderno que ainda esta…

Quando sonhei de novo.

Imagem
Quem me conhece há anos sabe que não estou tão irreconhecível. Os anos se passaram e muitos dos sonhos que tinha foram substituídos. "São lindos, mas não está sonhando alto?" Diziam. Agora sei que, não estou não. Larguei mão dessa história de que "você tem que estar com os pés no chão". Todas as coisas que estão ao meu alcance, eu já tenho. Foi aí que deixei meu coração mandar de novo, como há muito tempo não fazia. Que erro bobo o meu. Pois tem uma parte da vida que não nos é avisada, a parte em que dizem que devemos crescer. Mas dizem isso através de erros que cometemos ao longo da caminhada. A parte que cortam nossos sonhos mais lindos, que nos mostram a parte feia do mundo, e acabamos perdendo nossas partes mais bonitas. E só depois dessa horrível parte, podemos escolher sonhar ou não. Podemos acreditar de novo. É essa parte onde muita gente escolhe não sonhar mais, e assim são levados pela maré. Mas escolhi ter de novo todos os sonhos que sempre tive. Por ma…