Explicações sem sentido:

quinta-feira, 17 de março de 2011

Me deixa sol.


Me deixa andar por aí com você brilhando. Sentir o vento roçar minha pele, entrar por entre os fios do meu cabelo. Pensar que alguém espera uma pessoa como eu. Exatamente como eu. Saber que você brilhará todos os dias, iluminando vidas e vidas recém-nascidas. Fazer uma viagem a uma praia deserta, o contato com a areia molhada, escrever 'je t'aime' na areia e dizer que ainda não esqueci minha adolescência. Sentar numa espreguiçadeira com um pote de sorvete chocolate branco da nestlé e dividir com um amigo. Deixe-me sol, fazer tudo isso, com sua presença.

3 comentários:

  1. Que delicia de texto!

    So precisamos disso pra ser felizes, liberdade para sermos quem
    somos, um amor que nos aceite exatamente como somos,
    e essa paz que a natureza nos proporciona.

    Tenha uma linda noite minha querida!
    Bjs & abraços!

    ResponderExcluir
  2. Que liindo, tão simples e puro. Adorei muito!

    ResponderExcluir
  3. Liberdade termina quando começa a do outro.
    Nunca entendi direito essa frase, mas concordei muito com o texti!
    Lindo mesmo. (:

    Beijos!

    ResponderExcluir

Opiniões: