Explicações sem sentido:

sábado, 23 de fevereiro de 2013

Quem diria...


Sabe, estou recomeçando. Olhando tudo com um pouco mais de tranquilidade. Talvez até pensando três vezes antes de falar algo. Parando de esperar muito e me deixando surpreender, o que até agora me trouxe coisa incríveis e inimagináveis. Confiei em mim. Deixei a brisa me levar e apenas a realidade permanecer. Nada muito sonhador, nada muito sério ficaram, apenas o equilíbrio. É claro que ainda não há paz no coração, mas continuo no caminho certo. Olhei pra cima e pedi que apenas uma pessoa me guiasse e agora caminho sem o peso das costas de sempre. Leve, leve e rasteira, como o vento quando acaricia as folhas no outono.

Um comentário:

  1. ammeeei o post arrasou heim.. to seguindo segue de volta? http://braguete.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Opiniões: