Explicações sem sentido:

segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

Camisa de cheiro.


O cheiro ainda existe na camisa. E toda vez que eu o sinto, a saudade vem. A saudade do abraço. Do olhar demorado que me preenche por dentro. Do beijo mandado de longe e em seguida o riso. Falando a verdade, estou com saudade de qualquer coisa que fazíamos. Porque todo o tempo você cuidou do meu bem estar. E porque todo o tempo eu tentei cuidar do seu. Você é um amigo incrível eu confesso. E quero que continue sendo apesar de tudo, de todos. E o que se tiver que ser, será.  Porque se o seu cheiro já me faz bem, me faz sorrir, imagina você todos os dias do meu lado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Opiniões: