Explicações sem sentido:

sexta-feira, 30 de novembro de 2012

Vontade de olhar nos olhos.


Por mais que eu tente, nunca vou entender uma pessoa quando estiver longe dos olhos dela. Por mais que eu persista,  preciso provar para meus olhos o que se passa com ela. Eu preciso ler o olhar, o sorriso, o gesto. Só assim, ficarei tranquila e em paz. Preciso de contato, de som, de brilho, pois de palavras já sou feita. Já disse pro meu coração, "Ei, fique mais tranquilo, pois quem sofre sou eu!"  mas desde quando a gente manda e desmanda nele? Ninguém mandou eu ser ansiosa, ninguém. Muito menos preocupada. E olhe lá, ninguém mandou eu criar um carinho assim por alguém.

2 comentários:

  1. Pri, tem meme pra você lá no blog.
    ;) Beijos..

    ResponderExcluir
  2. Siga seu próprio conselho Dona Moça.
    Dois dedin de calma e quando menos se espera os olhos tão desejos estarão ao alcance do teu olhar.


    Há-braços.

    ResponderExcluir

Opiniões: