Explicações sem sentido:

domingo, 18 de novembro de 2012

Apressados.


Quando parece que não tem mais nada que possa piorar, quando pensamos o quão difícil a situação está, a tendência é ficarmos ansiosos, tristes, com vontade de chutar o balde e mandar tudo pros ares. Mas o que acontece a seguir é intrigante. Depois da chuva o sol aparece, e de presente trás o arco íris, o cheiro de limpeza, de revitalização. As coisas vão se ajeitando, mesmo que aos poucos. O que for pra dar certo vai dar. Passamos por tanta coisa e aprendemos a deixar rolar, respeitar o tempo das coisas, aceitar.

Um comentário:

  1. Lido e lindo lugar, Pri. Seu espaço ta mais você (sinto isso) e ta delicioso de se ler, ver, provar... amei! Dá pra notar o quanto sua alma cresce a cada dia, ta tamanho mar.

    Flores!

    ResponderExcluir

Opiniões: