Explicações sem sentido:

sexta-feira, 6 de maio de 2011



Sem ao menos pensar direito, vou escrevendo. Tudo que sai da minha mente eu escrevo, eu digito, eu falo. Os livros me ajudam pois soltam a minha mente pro mundo, me fazendo acreditar que absolutamente tudo pode acontecer. Nas minhas escritas, vejo o mundo inteiro aos meus pés, como um lugar maravilhoso, onde todos querem estar, ou até mesmo um lugar perigoso, onde cada passo pode levar a um conflito diferente. Minha mente mistura imagens como se embaralha cartas, dificultando assim, onde realmente quero ir. E a simples solução é colocar fones de ouvido, onde me deixam em um lugar só. E mesmo com tudo isso, minhas mãos não param, continuam escrevendo.

Um comentário:

  1. E a gente vai se esbaldando nos encantamentos que saem da tua escrita!

    é um prazer passear por aqui!

    Beeijo Flor

    ResponderExcluir

Opiniões: