Explicações sem sentido:

quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Barriga de mãe.



Mãe. Uma dádiva. Uma lutadora.




É tão linda aquela barriga. São tão lindos aqueles sonhos na cabeça de mãe, um futuro inteiro planejado, uma vida inteira modificada. Um filho. Ou uma filha talvez, são pedaços de gente tão fofos, tão delicados. Quando cresce, ah um tormento pros pais quando o filho vira adolescente, onde quer encontrar sua verdadeira identidade, onde fica rebelde, chato e quer ser dono do próprio nariz. Mãe, me explique, como aguenta uma coisa dessas ? Como mãe sempre está lá para o primeiro dia na escola, o tombo de bicicleta, quando passa na faculdade (minha mãe ainda não passou por isso, mas sei que ficará feliz). Imagina o coração de mãe quando o filho simplesmente cria asas e vai embora...


Uma amiga mãe me disse "Mãe é uma coisa divina, já começa a amar o bebê logo quando vê ele crescendo lá dentro dela."



.






Dedicado à S.A

3 comentários:

  1. Bela homenagem. Doce e carinhosa.

    Beijo!

    ResponderExcluir
  2. Eu sempre digo a minha mãe que eu não teria a força e a paciência necassárias para ser uma boa mãe. Ela sempre me reponde: Quando você for mãe, você vai ver...isso tudo surge em você.
    Amei o post. Boa tarde! xD

    ResponderExcluir
  3. Ah que linda postagem!

    Mãe eh mesmo uma dadiva divina.
    Obrigada pelo carinho flor, aqui tbm eh tudo lindo!

    *
    *

    Ps. Uee ta dando erro? Porq sera? :S

    Bjs, tenha uma ótima semana!!

    ResponderExcluir

Opiniões: